Mecanismos de Defesa: repressão

Semelhante à negação, esse mecanismo de defesa surge ao “esquecer-se” de algo que leva o indivíduo a sensação de desconforto. Por exemplo, algum compromisso não muito agradável ou mesmo reunir-se com alguém que não gosta muito, pode desencadear a repressão, de modo a considerar que apenas lhe faltou memória e que, talvez, a atividade não fosse tão importante assim.

Tal como a negação, também, num primeiro momento esse comportamento pode dar a sensação de algo benéfico, mas com o passar do tempo e o não enfrentamento da experiência, é muito provável que a preocupação retorne aos pensamentos, gerando ansiedade e desconforto.

 

Rolar para o topo