Síndrome do Pânico

Todo ato de violência causa mudança comportamental: estresse pós-traumático

Da mesma forma que o indivíduo pode guardar detalhes de outro em suas lembranças, o mesmo pode deixar de lado ou mesmo tentar apagar uma recordação. Em psicologia, no entanto, verifica-se que a lembrança emocional, se impactante, ficará grifada no inconsciente deste, podendo prejudicar o seu dia a dia. Sendo

Na Síndrome do Pânico o psicólogo estuda soluções para amenizar a ansiedade

A raiz da síndrome do pânico está em episódios em que a ansiedade, um sentimento que antecipa os fatos e suas possíveis reações por parte do indivíduo. Na prática, quem a possui experimenta crises inesperadas de medo e, muitas vezes, desespero. Não raro, essas manifestações provocam aceleração do ritmo cardíaco,

Síndrome do pânico prejudica severamente a rotina do paciente

Mesmo que o indivíduo que possua síndrome do pânico expresse episódios de forma esporádica, essas crises acabam por prejudicar severamente a rotina do paciente. Isso porque, a imprevisibilidade das manifestações mantém a pessoa em constante estado de alerta e insegurança. Na síndrome do pânico, as crises são curtas, mas muito intensas,